in

DC TITANS chega com ritmo impecável para revolucionar as séries de heróis

DC Warner.
Publicidade

O Universo Cinematográfico da Marvel foi construído em dez anos. E, de repente, a DC percebeu que a ideia era boa demais para não ser aproveitada. Ignorando a obra de Nolan e o Batman definitivo, resolveu correr com um Superman novo, e um novo Batman e tudo parecia cru e apressado. Até DC TITANS.

O forte da DC nunca foram os filmes, e sim as séries e os desenhos. Enquanto a Marvel reinava soberana nas grande telas, a DC encontrava seu nicho de forma mais sutil, tal qual seu cruzado mascarado. E parece que Arrow, Flash, Constantine, Legends of Tomorrow e até Lucifer finalmente mostraram o caminho a ser seguido.

Com Titãs, não há mais experimentação. O caminho está maduro e pronto. Um casting que vem sendo aperfeiçoado coloca Brenton Thwaites perfeitamente no papel do Robin ideal, logo após deixar Batman. Curioso que nenhuma série conseguiu a façanha que Titãs consegue: conversar com Batman de Nolan dos cinemas, bem como a série Gotham; e fazer parecer que tudo faz sentido, amarrando as duas pontas.

Publicidade
Publicidade

Robin agora é detetive, tal qual o terceiro filme, e segue um caminho próprio, que os fãs já sabem que o levará a ser o Asa Noturna de Bludhaven. Mas no meio do caminho tem a doce e perigosa Raven, a sedutora e poderosa Estelar de Kory, e o alívio cômico Garfield, o esverdeado Mutano. E estão formados os Novos Titãs, como o grupo é conhecido no Brasil. E o melhor, a Netflix já comprou os direitos de exibição no Brasil. Warner será a nova parceira da plataforma de streaming?

Para quem apostava na Liga da Justiça, tão precocemente formada, talvez tenha olhado na direção errada. Titãs apresenta, episódio após episódio, os personagens da DC sem pressa, sem ansiedade, como Rápina e Columba, a Patrulha do Destino, e até ele, o segundo Robin, Jason Todd. E tudo sob uma sombra permanente do personagem ausente mais atuante de todos: Bruce Wayne, que das sombras parece jogar dados com o destino de todos. Até a família Maroni, Harvey Dent e Alfred já tiveram seus momentos. 

Dona de um ritmo cativante, uma boa trilha, uma violência real e uma excelente transposição dos quadrinhos para a TV, Titãs talvez seja o grande triunfo que faltava à DC Comics para mostrar que a Marvel não reinará sozinha. Ou como diria Robin, “Fuck Batman”!

Publicidade
Bene!

Escrito por Bene!

Um curioso acima de tudo. Amante das artes, busco viver sem rótulos e explorar o que a alma pede. Escrevo sobre o que gosto, amo, odeio, me faz pensar e me faz sentir. Espero que minhas ideias, palavras e ações sejam meu legado. Bem vindos e espero que gostem.

Next post