in

Angelina Jolie desabafa e revela que não pode morar fora dos EUA por causa de Brad Pitt

Publicidade

Angelina Jolie e Brad Pitt formaram um dos casais mais famosos e amados da história de Hollywood. A dupla, que assumiu o namoro após as gravações do filme Sr. e Sra. Smith, em 2005, oficializou o casamento em 2014, mas a separação veio dois anos depois, supostamente por causa do vício do ator com bebidas alcoólicas e drogas. 

Juntos, Brad e Angelina tiveram seis crianças, das quais três foram adotadas. A estrela de ‘Malévola, a Dona do Mal’ inclusive reconhece o sofrimento dos filhos com o divórcio, que ainda não saiu por falta de um acordo financeiro entre os artistas. 

Publicidade

Em entrevista à revista norte-americana Harper’s Bazaar, Jolie revelou o desejo de morar em outro país, mas afirmou que a decisão de Pitt de morar nos Estados Unidos a impede de realizar esse sonho, já que o ex-casal divide a custódia dos filhos.

Eu adoraria morar no exterior e o farei assim que meu filhos tiverem 18 anos. No momento, tenho que ficar onde o pai deles escolhe residir“, declarou ela.

Publicidade

Jolie diz que aprende com a ‘força’ dos filhos

Angelina Jolie também elogiou a ‘força’ dos filhos na hora de encarar a situação, e disse que aprende muito como mãe.

A parte de nós que é livre, selvagem, aberta e curiosa pode ser fechada pelo resto da vida. Por dor ou sofrimento. Meus filhos conhecem a minha verdadeira eu, e eles me ajudaram a me encontrar de novo e abraçar isso. Eles sofreram muito e eu aprendo com a força deles. Como pais, nós ensinamos nossos filhos a serem quem eles são e aceitarem aquilo que está em seu coração. Eles querem o mesmo para nós”, finalizou.

Publicidade
Next post

Após separação de Thiaguinho, Fernanda surge desabafando em vídeo

Resumo Bom Sucesso (Globo) 7/11: Paloma surta ao ver Peter correndo risco de vida