in

Filmes de guerra inspirados em histórias reais

Banda B
Publicidade

Filmes de guerra normalmente chamam a atenção do público pelas grandiosas produções e cenas de impacto. Afinal de contas todos aqueles personagens estão na “linha de fogo” e correm risco o tempo todo. Porém esse gênero ganha ainda mais em emoção quando as histórias que o inspira são retiradas de fatos históricos. E como sabemos, infelizmente a humanidade já passou por vários confrontos de grandes proporções.

Confira agora filmes do gênero que conquistaram o público e que valem muito a pena gastar um bom tempo assistindo. 

Publicidade

A Queda! As Últimas Horas de Hitler 

O filme é todo baseado em documentos históricos, além da fala de Traudl Junge, a última secretária pessoal que Adolf Hitler teve antes de morrer. 

A história não foca na guerra em si, ela tem o objetivo na verdade de nos trazer a personalidade de Hitler, no seu lado humano. Aqui somos apresentados a seus trejeitos e formas de agir, tanto na liderança quanto na estratégia de guerra.  

Publicidade

O ator Bruno Ganz consegue entregar ao público uma atuação simplesmente impecável de uma das figuras mais odiadas da história da humanidade. Tudo isso a um ponto no qual o público consiga entender melhor quem Hitler era, seu lado sensível, amável e vulnerável…algo até certo ponto inimaginável. 

Dunkirk 

Mais um fato ocorrido durante a segunda guerra mundial, o filme conta a história de soldados aliados que precisaram ser transferidos da cidade de Dunquerque para a Inglaterra, o Canal da Mancha foi usado para a trajetória.

O filme é contado em três linhas do tempo distintas, uma quando os soldados estavam em terra, outra no ar e por fim no mar. Com grandes atuações e efeitos o filme é recomendação quase que obrigatória para o gênero. 

Beasts of No Nation 

O filme apesar de não passar exatamente em um local, conta histórias reais de soldados infantis que acabam sendo apresentadas a esse cenário de horror de forma extremamente precoce. Essa infelizmente é uma realidade de guerras civis em países como Uganda, Serra Leoa, Nigéria e tantas outras.  

Um filme triste por apresentar um cenário real e ao mesmo tempo incrível pela forma como consegue trazer ao público isso. Infâncias são roubadas em países da África, e por vezes a humanidade parece não se importar muito com o que ocorre no continente. O filme é um verdadeiro soco no estômago.

Publicidade
Avatar

Escrito por Mari

Alguém que curte escrever sobre entretenimento e diversidades.

Next post

Resumo Cúmplices de Um Resgate (SBT) 25/11: mulher misteriosa aconselha Rebeca

Resumo As Aventuras de Poliana (SBT) 25/11: Marcelo vai à casa de Pendleton confrontá-lo