in

Topíssima: atriz sofreu protestos por causa de aborto cometido por sua personagem

Blad Meneghel/ Record TV
Publicidade

A atriz Brenda Sabryna já pode ser vista pelo público na novela Amor Sem Igual, mas meses antes ela integrou o elenco de Topíssima, quando interpretou a personagem Jandira, uma adolescente que decidiu fazer um aborto após sofrer pressão do namorado.

Na novela, o procedimento foi realizado em uma clínica clandestina e na história, a moça acabou morrendo. Não deu em outra e aquele público mais conservador e que mistura o personagem com o ator, acabou indo protestar em frente a Record por ter esse enredo na história.

Segundo Brenda contou em entrevista ao UOL, esses telespectadores foram na porta da Record TV bater panela e confrontá-la, querendo saber como ela teve coragem de aceitar esse tipo de papel. Na época, Brenda ficou tão assustada com o comportamento dessas pessoas que gravou vídeos e os publicou no stories do Instagram para se explicar.

Publicidade
Publicidade

Vale lembrar que a trama reproduziu algo que ocorre comumente no Brasil e no mundo, em que moças que não possuem recursos para irem em uma clínica com profissionais, vão em qualquer lugar que cobre menos para interromper a gestação, e muitas, acabam morrendo.

Aborto já foi tema em outra novela da Record

A Record TV já havia abordado esse tema na novela Chamas da Vida, em que adolescente Vivi, interpretada por Letícia Colin, foi abusada e decidiu fazer um aborto em um hospital público.
Na trama, foi possível ver a personagem ser julgada pelas enfermeiras por decidir interromper a gestação fruto de abusos praticados por Lipe. As cenas geraram uma reportagem sobre o tema na emissora.

Publicidade
Avatar

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades

Next post

Retrospectiva: 11 cantores que morreram em 2019

Claudia Leitte abandona coletiva do The Voice Kids, após ser avisada sobre morte de amigo