in

Resumo Cabocla (Viva) 17/12: Neco se arrepende do apoio que deu para Justino

Canal Viva
Publicidade

No capítulo de Cabocla, nesta terça-feira, 17 de dezembro, no Viva, Neco se arrepende de ajudar Justino com sua candidatura de prefeito.

Ainda neste capítulo, Emerenciana tenta entrar na mente de Boanerges, querendo que ele fique com remorso de ter colocado sua filha em um convento. Neco tenta chamar atenção de Belinha, que não abre sua janela para ele.

Boanerges escuta um barulho, não perdendo tempo em investigar, no entanto, não consegue flagrar Neco. Tina fica feliz com Tomé, que está conseguindo esquecer sua irmã. Luís fica de coração partido ao saber que sua amada reatou o noivado com seu ex-noivo.

Publicidade
Publicidade

Tomé percebe que o sítio está cercado, em Cabocla

Mesmo marcando a data de seu casamento com Tobias, Zuca garante que jamais conseguirá esquecer Luís, que é o único amor de sua vida. Ao perceber que o sítio de Felício está sendo rodeado, Tomé implora para Betina não sair sozinha.

O fato de Tomé mostrar preocupação, querendo que Tina não saia de casa, deixa a jovem muito feliz. Zaqueu confidencia para Boanerges que muitos estão apoiando uma possível candidatura de Neco para prefeitura.

Bina se abre com seu marido sobre Zuca, em Cabocla

Bina se abre com o marido, afirmando que o casamento de sua filha não tem como dar certo, pois ela não consegue esquecer o advogado. Neco começa a perceber que seu pai não está ligando para os eleitores.

O rapaz fica com remorso, percebendo que foi um erro lançar a candidatura de seu pai, que não está disposto a mudar seus pensamentos. No canal Viva, Cabocla vai ao ar de segunda a sábado, por volta das 15h30, depois de Selva de Pedra.

Publicidade
Avatar

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Next post

Resumo Bom Sucesso (17/12): Gabriela decreta o fim de seu namoro com Patrick

Resumo Amor de Mãe (17/12): Érica é pega de surpresa por Raul, que lhe pede em casamento