in

Após morte de Gugu, mentira é revelada e deixa fãs perplexos

Divulgação Record TV
Publicidade

O laudo médico assinado por um perito revelando detalhes da morte do apresentador Gugu Liberato, de 60 anos, foi liberado ao público pelo Estado da Flórida.
O E+ teve acesso ao documento.

A liberação ocorreu no dia 27 de dezembro, pouco mais de um mês depois da morte do apresentador. Gugu morreu depois de cair de uma altura de quatro metros em sua mansão, em Orlando.

O apresentador da Record TV tentava consertar o ar-condicionado quando caiu, bateu a cabeça na quina de um móvel e acabou falecendo. Gugu deixou três filhos: João Augusto, de 18 anos, e as gêmeas Sofia e Marina, de 15.

Publicidade
Publicidade

Morte de Gugu ocorreu um dia antes do divulgado

O acidente com Gugu ocorreu no dia 20 de novembro. Dois dias depois, no dia 22, a família divulgou uma nota oficial informando que o apresentador havia morrido.

A notícia deixou amigos e fãs chocados. O laudo médico divulgado revelou que Gugu morreu no dia 21 de novembro e não no dia 22, como divulgado inicialmente. Não se sabe exatamente porque a divulgação ocorreu apenas um dia depois.

Fãs repercutem data da morte de Gugu

Nas redes sociais, muitos fãs do apresentador repercutiram a questão envolvendo a data correta da morte. Alguns se mostravam perplexos.. “Não acredito”, disse um. “Qual a novidade? Quando a mãe foi chamada já se desconfiava da morte… Ninguém faria uma idosa viajar 9h pra dizer que estava tudo bem”, afirmou um internauta.

“Estava na cara que ele já estava morto”, escreveu outra internauta. A princípio, a informação divulgada era de que o protocolo do estado da Flórida só permite confirmar a morte cerebral de alguém após 48 horas do ocorrido.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post