in

Resumo Abismo de Paixão (11/02): Elisa e Damião tem final feliz; Carmem tira própria vida

SBT
Publicidade

No último capítulo de Abismo de Paixão, nesta terça-feira, 11 de fevereiro, no SBT, Carmem tira a própria vida e Damião tem final feliz com Elisa.

Ainda neste capítulo, Gael fica feliz por ver Damião feliz com sua esposa. Posteriormente, Gael vai atrás de Paloma, afirmando que ela é a mulher da sua vida, mas estava cego por Elisa, que era apenas uma obsessão.

Publicidade

Carmem acorda, percebendo que teve suas pernas amputadas. Elisa visita sua tia, que confessa o motivo de seu ódio, afirmando que ela sempre amou Augusto. Em determinado momento, Elisa percebe que sua tia cortou os pulsos e sai correndo para pedir ajuda.

Edmundo anuncia morte de Carmem

Edmundo corre para socorrer Carmem, mas avisa que ela não conseguiu resistir aos ferimentos. Mais tarde, Gael faz uma serenata para Paloma, mostrando o quão eles dois estão felizes. Lúcio vai à cadeia falar com Ramiro.

Publicidade

Confrontando o rapaz, Lúcio diz estar satisfeito, pois a justiça finalmente foi feita. Antes de ir embora, Lúcio faz uma grande revelação para Ramiro. Gael procura Damião para conversar, pedindo desculpas por tudo que fez ele passar.

Não conseguindo conter a emoção, os dois se abraçam. Elisa e Paloma se emocionam com a reconciliação dos irmãos. Mais tarde, Paloma procura Ramona para conversar, avisando que não irá se separar de Gael.

Damião e Elisa nadam com Paloma e Gael

A jovem diz que eles se resolveram. Ramona parabeniza sua neta, pedindo que ela continue usando os amuletos. Florência se casa com Henrique. Elisa presenteia Gael com as terras da sua família.

Posteriormente, Elisa, Damião, acompanhados dos amigos, vão nadar no rio, comemorando o amor e amizade. Assim termina a saga de Elisa e Damião.

Publicidade
Avatar

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Next post

BBB20: Daniel diz que já pegou homens e admite que poderia ficar com algum rapaz da casa

Em homenagem, Gabigol menciona ‘sacrifício’ dos meninos mortos no Ninho e é massacrado