in

Resumo Cabocla (Viva) 13/03: Zuca faz Luís chorar com sua atitude

Canal Viva
Publicidade

Na tela do canal Viva, nesta sexta-feira, 13 de março, no capítulo de Cabocla, atitude de Zuca faz Luís chorar.

Publicidade

Ainda no mesmo capítulo, Boanerges e Chico Bento são encurralados pelos capangas de Justino, que miram suas armas na direção deles. Ao perceber que ninguém ligou para os santinhos que ele distribui, Macário fica chateado.

Publicidade

Boanerges consegue chegar à festa de casamento de Tobias. Neco tira sarro da campanha do coronel. Em seguida, o rapaz tenta acalmar sua irmã, que está muito nervosa. Chico conta tudo que aconteceu e Emerenciana quase desmaia.

Luís é frio com Zuca

Pepa consola seu marido, que afirma ter perdido uma filha, mas Tobias diz que ele está estragando sua comemoração. Mariquinha deixa claro que ninguém conseguirá separá-los. Boanerges comunica seus correligionários que vale tudo na política, menos violência.

Publicidade

Justino se revolta por ter perdido uma luta para Boanerges. Distraído, Tomé chama Tina de Rosa, mas ela desculpa o marido pelo erro, beijando-o apaixonadamente. Luís trata Zuca com dureza, afirmando que ela deveria ter ido cuidar dele.

Zuca não se conforma com decisão de Luís

Zuca diz que não faz mais que sua obrigação, pois é noiva dele, tendo que fazer de tudo para que ele fique bem. Não querendo deixá-la doente, Luís tira a aliança, deixando-a livre para ser feliz, mas a cabocla garante que não irá ficar longe dele, preferindo enfrentar tudo.

Luís se emociona com atitude de Zuca. Luís pede para Boanerges mandar seu pai vir buscá-lo. Momentos depois, ele pede ao primo que leve Zuca embora, deixando-a inconformada com a atitude dele.

Publicidade
Avatar

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Next post

Resumo Ouro Verde (13/03): Aparecida não se sente confortável na presença de Salvador

Resumo O Clone (Viva) 13/03: Jade exige se divorciar de Said, após ser agredida