in

Geisy Arruda fala de isolamento em meio ao coronavírus solteira: ‘se eu tivesse um namorado’

Instagram Geisy Arruda
Publicidade

Geisy Arruda é uma das personagens mais polêmicas das redes sociais. Ela costuma falar tudo o que pensa e responder tudo o que é perguntada no Instagram. A influenciadora conta com quase dois milhões de seguidores na rede social usada para tirar fotos.

Geisy retornou de viagem nos últimos dias. Ela estava no nordeste brasileiro, para onde viajou depois de reclamar do frio da cidade de São Paulo em pleno verão. Geisy curte a vida, mas agora terá que ficar reclusa devido ao novo coronavírus.

Geisy Arruda reclusa em casa

A influenciadora digital tem que seguir o restante da população e ficará em casa, devido à pandemia de coronavírus. A doença viral que se disseminou através da China e tem chegado a vários países do mundo, incluindo o Brasil, onde já fez vítimas.

Publicidade
Publicidade

Diante do isolamento forçado, Geisy respondeu perguntas de seus seguidores de forma ousada. Uma das respostas dela é que está solteira e queria muito ter um namorado neste momento em que vai ter que ficar em casa devido ao coronavírus.

Geisy queria um namorado

A jovem disse ainda que se tivesse um namorado neste momento, trancaria o rapaz no quarto. “Se eu tivesse um namorado“, disse ela, divertindo os seguidores com as respostas dadas. Normalmente, são os homens que interagem com a influenciadora digital. Geisy costuma postar muitas fotos no Instagram.

Geisy ficou famosa em 2009, quando foi humilhada em uma universidade de São Paulo ao chegar ao local trajando um vestido curto. O vídeo dos xingamentos que ela sofreu viraram notícia em todo o Brasil naquela época e, desde então, ela foi alçada à fama.

Publicidade
Avatar

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br

Next post

BBB20: saiba como será a prova do líder desta quinta-feira (19)

Famoso cantor de k-pop morre após contrair coronavírus