in

Totalmente Demais (Globo): Dino aterroriza prova de Eliza, que se desespera

Globo
Publicidade

Nos próximos capítulos de Totalmente Demais, na tela da Globo, Dino (Paulo Rocha) toca o terror durante prova de Eliza (Marina Ruy Barbosa).

Eliza voltará a ficar frente a frente com seu padrasto, que lhe atormentou a vida inteira. O motivo por trás da implicância de Dino, marido da mãe de Eliza, é que ele sempre a desejou como mulher, por causa disso faz de tudo para agarrar a mocinha.

Tudo começará com Eliza e a equipe do concurso se preparando para mais um ensaio. De repente, ela fica em pânico ao se deparar com o padrasto. A ruiva começa a gritar desesperadamente, assustando todos que estão ao seu redor.

Publicidade
Publicidade

Rafael e Pietro duvidam de Eliza

Arthur (Fábio Assunção) se aproxima de Eliza preocupado, questionando para saber o que está acontecendo. Chorando desesperadamente, Eliza avisará que seu padrasto está no local, pois ela o viu bem na sua frente.

Ninguém entenderá nada, mas Rafael (Daniel Rocha) garantirá que não tem ninguém no local, somente a equipe do concurso. Pietro (Mario Descartes) também não acreditará em Eliza, pedindo que eles se apressem, pois Carolina (Juliana Paes) ficará irritada se chegar e não pegar ninguém pronto.

Dino é capturado

Arthur é o único que acredita em Eliza, afirmando que tem uma pessoa estranha dentro do local. Eliza descobre o rapaz, contando que ele estava olhando com ar de tarado para ela. A ruiva diz que está nervosa, mas não é louca.

Todos ficam em alerta, começando a acreditar em Eliza. Em determinado momento, todos veem Dino, ficando aterrorizados. Uma pancadaria se inicia no local, até que o padrasto de Eliza é capturado, sendo xingado por Eliza

Publicidade
Avatar

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Next post

Resumo A Escrava Isaura (RecordTV) 09/06: Leôncio dá cinquenta chicotadas em André

Neymar e ‘parças’ podem parar na prisão após vazamento de áudio