in

O Brasil ora por Carla Diaz; atriz famosa por O Clone descobriu um tumor

Quem / TV Globo
Publicidade

A atriz Carla Diaz é um dos nomes mais conhecidos das novelas brasileiras. Ela ficou famosa, entre outras produções, pela novela O Clone. No entanto, nesta sexta-feira, 17 de julho, uma triste notícia envolvendo Carla Diaz acabou surpreendendo a todos. Por meio de uma rede social, a atriz, que está com vinte e nove anos de idade, revelou um preocupante tumor. A notícia, é claro, preocupou fãs, que fizeram orações e mandaram mensagens positivas para a atriz em uma rede social.

Carla Diaz recebe o carinho do público após revelar tumor: ‘Estamos orando por você’

De acordo com Carla Diaz, o tumor que ela descobriu foi achado em sua tireóide, mas ainda não há a informação se ele é ou não maligno. Caso seja benigno, o processo é mais simples e basta tirar o tumor. No entanto, caso seja maligno, a atriz precisaria fazer um tratamento contra um câncer, que pode envolver técnicas já conhecidas, como a quimioterapia. 

Fãs de todo o Brasil, é claro, mandaram mensagens positivas para Carla Diaz. “Deus é mais. Estamos orando por você. Tudo vai ficar bem”, disse um dos internautas ao falar sobre o assunto, que tomou conta das redes sociais. 

Publicidade
Publicidade

Carla Diaz chorou ao falar pela primeira vez sobre descoberta de tumor

Ao dar a notícia para os fãs, Carla Diaz chegou a chorar e disse que não foi fácil receber a notícia. A artista resume o sentimento da descoberta do nódulo na tireóide como um choque. 

“No meio de uma pandemia nunca imaginei que fosse descobrir uma coisa do nada, assim. Ainda vou ter que fazer exames, vou ter que fazer biópia. Mas vai passar. Eu sei que vai passar”, disse a atriz chorando. 

Publicidade
Avatar

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

SBT preparou super esquema de segurança pra receber Galvão Bueno, mas o narrador da Globo furou e não compareceu

Como tem vivido Ronaldinho Gaúcho, preso no Paraguai, após derrotas consecutivas na Justiça