in

Padre Fábio de Melo pensou em tentar tirar a própria vida: ‘Ficava pesquisando na internet formas de morrer’

Extra
Publicidade

Nesta quarta-feira, 22 de julho, Padre Fábio de Melo participou de uma live com o jornalista Felipeh Campos, do programa A Tarde é Sua, da RedeTV!. Na conversa, o Padre confessou que pensou várias vezes em tirar a própria vida. Felipeh questionou se o religioso teria pensado em efetuar o ato e recebeu a confirmação de tudo. 

Padre Fábio de Melo diz que pesquisava na internet formas de tirar a própria vida

O religioso contou que o problema psicológico começou há cerca de três anos. O Padre disse que, nesse período, passou por uma grande depressão. “Quando eu tive a minha crise, eu não pensava em outra coisa. Eu ficava horas e horas do dia e da noite pesquisando na internet formas de morrer. Foi uma sombra muito difícil de ser enfrentada, um período muito doloroso pra mim”, disse Padre Fábio de Melo, chamando a atenção de muita gente. 

O Padre Fábio de Melo contou que sua maior preocupação, durante esse tempo, era a sua saúde psicológica. Ele então contou que teve que, aos poucos, contornar a questão e ajudar na vida psicológica. O religioso lembrou que, durante esse tempo, passava por problemas como depressão e síndrome do Pânico.

Publicidade
Publicidade

A revelação fez com que muitos fãs do Padre Fábio de Melo mandassem recados positivos ao religioso, especialmente pela coragem de falar no tema e enfrentar a fase difícil.

Previna-se contra o suicídio

No Brasil, uma das organizações que ajuda pessoas com pensamentos depressivos é o Centro de Valorização da Vida, o CVV. A organização ajuda, de maneira voluntária, pessoas que passam por problemas de tristeza, solidão, depressão e afins.

Publicidade
Avatar

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

Luiz Bacci, do Cidade Alerta, faz longo desabafo contra a polícia após caso exibido no programa

Fina Estampa: após briga, Paulo fica louco de ódio e culpa criança por Esther ‘rosnar e morder’