in

Resumo Jesus (24/07): Petronius é repreendido por Maria Madalena, que defende Barrabás

RecordTV
Publicidade

Em Jesus, na tela da RecordTV, nesta sexta-feira, 24 de julho, Maria Madalena discute com Petronius por causa de Barrabás.

Ainda no mesmo capítulo, Caius aproveita que Edissa está sozinha, não tendo ninguém para lhe defender e a expulsa do palácio. Jesus reúne todos os apóstolos para fazer um comunicado oficial, alegando que mudará a vida de todos eles.

O messias diz que dará plenos poderes para que eles tenham o dom de expulsar todos os demônios, assim como ele. Madalena fica sabendo o mal que Petronius fez para Barrabás no passado, ficando muito irritada com ele.

Publicidade
Publicidade

Barrabás coloca Malco contra a parede

O irmão de Simão Zelote mostra que não tem medo de Malco, enfrentando-o de igual. Jesus alerta seus apóstolos sobre o risco deles andarem em lugares em que não existam judeus, podendo ser muito prejudicial para todos eles.

Maria Madalena e Petronius discutem, pois ela não gosta de saber que ele tratou Barrabás como se fosse um criminoso. Enquanto isso, Malco é questionado por Barrabás, que quer saber o que ele está fazendo, pois não está gostando da atitude dele.

Maria e Pilatos se conhecem, em Jesus

Maria é apresentada para Pilatos. Os apóstolos ficam impressionados e assutados com as palavras de Jesus, pois sabem que estão recebendo uma responsabilidade muito grande. Efraim sente-se muito mal.

O homem, no entanto, implora para que ninguém chame Jesus. Herodíade se recusa a entregar os restos mortais de João Batista para Joana, sabendo que ela ficará dilacerada quando souber o que ocorreu. Para conseguir entrar no palácio, Edissa entra em uma carroça.

Publicidade
Avatar

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Next post

Resumo Os Mutantes (24/07): Fredo é pressionado por Marta, que quer saber segredos de Valente

Há 20 anos, continuação da novela mexicana A Usurpadora era exibida no Brasil; fãs ficaram eufóricos