in

Tiroteio e mortes na porta da Globo: o dia em que Xuxa quase foi sequestrada

Notícias da TV
Publicidade

A apresentadora Maria da Graça Xuxa Meneghel é um dos nomes mais conhecidos da televisão do Brasil. No entanto, na década de 1990, o sucesso da eterna “rainha dos baixinhos” fez com que muita gente ruim fosse atrás dela. Em 1991, por exemplo, a comunicadora quase foi sequestrada. É o que lembra uma matéria do site Notícias da TV publicada neste domingo, 26 de julho. 

O dia em que bandidos tentaram sequestrar Xuxa e Letícia Spiller

Xuxa e Letícia Spiller foram alvo de criminosos, que bolaram um plano para levar a loira. Os bandidos foram identificados na época como Douglas Loricchio, de 18 anos, que foi morto tentando sequestrar a apresentadora, e seu irmão Alberto, de 21. Esse saiu ferido no tiroteio com a Polícia Militar. Um agente da polícia também foi morto. 

Na época, os bandidos tinham nomes de Letícia e ‘Ruça’, que a polícia acredita que fosse a apresentadora que comandava na época o Xou da Xuxa. Os bandidos foram de carro de São Paulo até o Rio na tentativa de conseguir fazer um sequestro. 

Publicidade
Publicidade

Em entrevista ao Jornal do Brasil, o tenente Wagner Vilares de Oliveira falou sobre o tema. “O rapaz disse que ia levar Leticia e Ruça para São Paulo porque é apaixonado por elas”, disse ele ao falar sobre o tema. 

A diretora de Xuxa na época, a diretora Marlene Mattos, também se pronunciou:“Mas a gente não consegue contratar seguranças de uma hora para outra. Vamos tomar providências e, se for o caso, vamos tirar a Xuxa do Brasil”, disse a diretora ao falar sobre o assunto, que deu o que falar na época. 

Publicidade
Avatar

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

Luiz Bacci mostra ao vivo caso da bebê que morreu ao cair do colo da mãe, e repercute

Fina Estampa: Ferdinand junta provas a fim de mandar Tereza Cristina para a prisão