in

Netflix se envolve em polêmica e é acusada de pedofilia na web

Netflix
Publicidade

A Netflix se envolveu em uma polêmica nas redes sociais nas últimas semanas. Em agosto, a plataforma de streaming começou a divulgar o filme francês Lindinhas (Cuties) e, desde então, a marca passou a sofrer com boicote do público. Na última quarta-feira (09), a empresa ignorou as críticas e colocou o longa no catálogo.

A trama acontece em torno de Amy, uma garota de 11 anos que se rebela contra a família conservadora e entra para um grupo de dança da escola. Na história, as meninas usam roupas provocantes e, em determinada cena, uma das protagonistas chega a fotografar as partes íntimas. Com isso, internautas acusaram a plataforma de compactuar com a sexualização de crianças e de estimular a pedofilia.

Ao invés de renovarem séries relevantes, como Anne With an E – e outras – a plataforma agora coloca em seu catálogo um filme para maiores, estrelado por crianças de 11 anos. Cancelam a estimulação à criatividade e colocam no ar a estimulação à pedofilia“, detonou uma usuária do Twitter.

Publicidade
Publicidade

Internautas fazem campanha contra a Netflix nas redes sociais

Revoltados, os usuários do Twitter subiram a hashtag #CancelNetflix nesta quinta-feira (10). A tag rapidamente entrou para os Trending Topics da rede social e, até o fechamento dessa reportagem, o assunto já contava com quase 200 mil tuítes. “Tira isso do catálogo, pelo amor de Deus, para que está feio. Renova as séries de qualidade“, reclamou uma internauta.

Estamos todos chocados, mas como os responsáveis por essas crianças deixaram elas fazerem esse filme?“, questionou outra.

Publicidade
Next post

Filho de Vanusa conta reação da cantora após reencontrá-la internada em hospital público

Video de Mick Jagger flertando com Glória Maria viraliza na internet e faz sucesso