in

Após dar aviso a Zezé, defesa de Zilu promete recurso diante derrota: ‘Cantando vitória antes do final’

Veja Abril/Divulgação
Publicidade

A briga judicial entre Zezé Di Camargo e Zilu parece estar longe do fim. Nas últimas semanas, a ex-mulher do sertanejo sofreu uma nova derrota na justiça. De acordo com o site R7, a juíza Natalia Assis anulou a ação movida por Zilu que pedia a revisão da partilha de bens realizada pelo ex-casal. A socialite afirma que foi coagida quando assinou os documentos de partilha.

Os filhos do ex-casal, Wanessa Camargo e Igor Camargo, prestaram depoimento em favor de Zezé afirmando que a mãe jamais havia sido coagida. A juíza entendeu que, de fato, Zilu não havia sido obrigada a assinar a documentação.

Segundo informações exclusivas obtidas pela equipe do site R7, Marcelo Saraiva, advogado da empresária, entrará com um recurso contra a decisão da juíza na próxima sexta-feira (25). Ainda de acordo com Saraiva, não haverá nenhuma mudança no pedido original por parte de Zilu Camargo.

Publicidade
Publicidade

O advogado da socialite comentou a derrota de sua cliente, e falou sobre o comportamento do cantor e de sua advogada: “Certamente a decisão vai ser reformada. Ou seja, é uma batalha para cinco ou seis anos. O Zezé e a advogada dele estão cantando vitória antes do final dessa batalha”. À época da derrota da ex-mulher, Zezé usou as redes sociais para dizer que não estava comemorando a vitória, mas a justiça sempre deveria prevalecer.

O sertanejo estaria devendo cerca de R$ 600 mil à ex-mulher. Zezé teria atrasado várias parcelas que foram pactuadas durante a partilha de bens. A relação entre o ex-casal não é boa, e ambos se comunicam somente através de advogados. Segundo o advogado de Zilu, a suposta dívida do cantor também será levada aos tribunais.