in

Morre o humorista Rodela, do programa do Ratinho; ele teria sofrido três paradas cardíacas

uol
Publicidade

O humorista Luiz Carlos Ribeiro, mais conhecido como Rodela, faleceu na tarde desta quarta-feira, aos 64 anos de idade. Ele estava internado em função de complicações relacionadas à Covid-19. As informações preliminares dão conta de que o comediante teria sofrido três paradas cardíacas. Velório e sepultamento serão definidos nas próximas horas.

No último final de semana, depois de passar mal, Rodela foi levado com urgência a unidade hospitalar. Segundo a equipe médica que o assistia, ele estava com 95% dos pulmões comprometidos.

Rodela fez inúmeras participações no programa do Ratinho. O apresentador, aliás, o ajudava financeiramente desde o início da pandemia. Com o fechamento das casas de espetáculo, o humorista ficou sem renda como milhares de brasileiros, se mantendo, apenas, com a ajuda do ex-patrão dos tempos de SBT. Curiosamente, nesse período de vacas magras, Rodela conseguiu quitar sua aposentadoria – previdência privada.

Publicidade

Segundo Murilo Bordoni, diretor de palco do programa do Ratinho, o comediante chegou a pedir para não receber mais o auxílio financeiro, já que, a partir de agora, após anos de contribuição, ele iria receber seu benefício após anos de contribuição.

Antes da pandemia, o humorista, que estava fora dos holofotes televisivos há alguns anos, trabalhava no centro de São Paulo, fazendo suas apresentações em praças públicas, principalmente nas regiões do vale do Anhangabaú e viaduto do chá. A coluna se solidariza com os familiares de Rodela. Nossos mais sinceros sentimentos.

Publicidade
Bruno Tálamo

Escrito por Bruno Tálamo

Bruno Tálamo é jornalista de formação e, atualmente, colunista do programa A Tarde é Sua da RedeTV!. Começou a carreira como locutor de rádio até migrar para a televisão. Com passagens pela Band e RecordTV, é considerado uma das principais revelações do colunismo de celebridades.
Siga no Instagram: @brunotalamo