in

Jornal Nacional expõe fala de Bolsonaro e apresentador não perdoa ao vivo

Reprodução Globo
Publicidade

O Jornal Nacional destacou uma frase falada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). André Trigueiro, substituto de William Bonner, anunciou a reportagem. “Hoje, num evento em Porto Alegre, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que o Brasil está vivendo um finalzinho de pandemia. Não é o que dizem os números de mortes e casos da doença e os médicos da linha frente”, afirmou Trigueiro, contradizendo o que disse o presidente.

Em seguida, a reportagem entrou no ar. Logo no começo, foram exibidas imagens de hospitais lotados. O telejornal mais assistido da TV brasileira também mostrou o mapa da média móvel de mortes no Brasil. A primeira morte foi registrada em março. Os números subiram até junho.

A curva entrou no chamado platô e começou a cair em agosto. No mês passado, a média móvel de mortes voltou a subir e a ficar acima de 600. O Brasil é o segundo país em número de mortes por Covid-19, com quase 180 mil óbitos. Especialistas foram ouvidos na reportagem e a opinião é de que a pandemia não está acabando.

Publicidade

Jornal Nacional tem feito ampla cobertura da pandemia

Desde março, o Jornal Nacional tem dedicado muito espaço à pandemia do coronavírus. Entre agosto e novembro, quando começou a ter queda na média móvel de mortes, o telejornal mais assistido da TV brasileira passou a dar ênfase a outros assuntos, além do coronavírus.

Curiosamente, a reportagem do Jornal Nacional não mostrou a fala de Bolsonaro, apenas informou que ele tinha falado durante um evento em Porto Alegre. No mesmo evento, Bolsonaro disse que o governo federal trabalhou bem na pandemia.

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!