in

Lembra dela? Ex-loira do Tchan se torna policial e posta foto em operação: ‘Fuzil na mão, pistola na cintura’

Quem
Publicidade

Responsável por substituir Sheila Mello nos anos 2000 como dançarina do grupo “É o Tchan”, Silmara Miranda mudou totalmente de ares. Após fazer bastante sucesso como integrante do grupo de axé entre 2003 e 2007, a loira agora é integrante da Polícia Rodoviária Federal, tendo sido aprovada em um concurso, depois de dois anos de muitos estudos.

Agora em uma profissão totalmente oposta ao ramo da música, Silmara Miranda tem dividido com seus seguidores no Instagram momentos da sua atuação na nova carreira. Na última segunda-feira (13), a ex-dançarina publicou um registro durante uma operação.

Na imagem, ela aparece devidamente fardada e empunhando um fuzil, à beira de uma rodovia, enquanto realizava um patrulhamento. 

Publicidade

“Guiada por Deus, ninguém me segura. Fuzil na mão e a pistola na cintura”, disse Silmara.

Nova vida

Depois de deixar o grupo de Axé em 2007, Silmara teve uma filha, se divorciou no casamento, fez faculdade e se formou em Jornalismo. Além disso, a loira de 39 anos, trocou Salvador por Florianópolis, onde atua como policial rodoviária federal na capital catarinense. 

Encontro com Bolsonaro

No mês passado, quando se formou oficialmente uma agente da Polícia Rodoviária Federal, Silmara fez um agradecimento especial ao presidente Jair Bolsonaro, que acompanhava a cerimônia na capital catarinense. 

Nas redes sociais, a ex-dançarina chegou a publicar uma foto em que aparece ao lado do presidente. 

“Sem palavras para agradecer àquele que fez desse sonho uma realidade. A história é linda! Posso contar um dia para vocês”, escreveu ex-loira do É o Tchan.

Publicidade