in

Bomba! Carlinhos Maia pode ser responsabilizado por crime sanitário

Divulgação / O Globo
Publicidade

Carlinhos Maia é o cancelado da vez nas redes sociais. O influenciador promoveu uma festança para centenas de pessoas. O evento, batizado de Natal da Vila, foi realizado na cidade de Penedo, interior de Alagoas – local onde o humorista nasceu e cresceu. Vários influenciadores digitais participaram da noitada.

Não foi feita a testagem em nenhum dos convidados e o uso de máscaras também ficou em segundo plano. Detalhe: o Brasil vive uma alta no número de mortes e infectados pelo coronavírus neste final de ano.

O ex-ministro da saúde, Alexandre Padilha, usou suas redes sociais para expor sua indignação e, também, alertar que Carlinhos pode responder criminalmente. “Confirmada a relação entre fonte de infecção e evento. É uma irresponsabilidade sem tamanho. E, dependendo de quais eram as regras sanitárias locais estabelecidas, pode sim ser classificado como um crime sanitário“, escreveu o político.

Publicidade

De acordo com informações divulgadas sobre o evento, ao menos 47 funcionários do Natal da Vila testaram positivo para a doença, além da influenciadora digital Mileide Mihaile, ex-mulher de Wesley Safadão, que também contraiu o vírus. Existe, inclusive, um abaixo-assinado, que foi criado e circula na web para que o youtuber seja punido no rigor da lei. A campanha iniciou no começo da semana e já conta com mais de 4 mil assinaturas.

A coluna procurou a assessoria de imprensa de Carlinhos Maia e, até o fechamento desta reportagem, não obteve resposta. O humorista ainda não se pronunciou, oficialmente, sobre o assunto.

Publicidade
Bruno Tálamo

Escrito por Bruno Tálamo

Bruno Tálamo é jornalista de formação e, atualmente, colunista do programa A Tarde é Sua da RedeTV!. Começou a carreira como locutor de rádio até migrar para a televisão. Com passagens pela Band e RecordTV, é considerado uma das principais revelações do colunismo de celebridades.
Siga no Instagram: @brunotalamo