in

Raul Gazolla traz à tona plano para matar Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez em 1992

Reprodução - Agência O Globo
Publicidade

Raul Gazolla relembrou o período do assassinato de sua então esposa, Daniella Perez. Em bate-papo com o apresentador Junior Coimbra, o ator revelou que um amigo dele teria planejado matar Guilherme de Pádua, condenado por assassinar Daniella Perez em 1992. Na ocasião da morte da atriz, a filha de Glória Perez estava no ar na novela ‘De Corpo e Alma’, onde Daniella contracenava com o homem que iria matá-la na vida real.

Gazola contou que o amigo queria vingar a morte da jovem logo após saber da prisão de Pádua. Segundo ele, com muita conversa, conseguiu convencê-lo que aquele não era o caminho a seguir. O ator deu detalhes do plano do amigo para acabar com o assassino de sua esposa na ocasião. 


“Eu tinha um amigo que era contraventor. Quando ele soube do caso não foi me visitar, não foi no enterro. Depois do enterro ele mandou me chamar na casa dele e falou: ‘Gazolla, estou mandando descer todas as pessoas que conheço e a gente vai explodir a 16ª Delegacia e matar o cara, porque ninguém faz isso com mulher de amigo nosso”’, 
desabafou Gazolla. 

Publicidade

Continuando a entrevista, o ator de 62 anos contou que, para convencer o amigo a desistir daquela ideia, explicou a ele que caso explodisse a delegacia, inocentes morreriam e que ele jamais poderia conviver com esse peso em sua vida. 

Raul Gazolla fez questão de destacar sua revolta ao se deparar com a entrevista do homem que tirou a vida de Daniella Perez na década passada. Os depoimentos de Guilherme de Pádua em atrações como Programa do Ratinho, do SBT, e o Domingo Espetacular, da Record, o deixaram indignado, segundo o ator, Pádua estava sempre de nariz em pé, dizendo que aconteceu o que tinha que acontecer.

Publicidade
Publicidade
Valeria Soares

Escrito por Valeria Soares

Aqui você fica por dentro de tudo que acontece no mundo dos famosos e muito mais.