in

Luto: querido cantor morre vítima de Covid-19; ele ficou um mês lutando contra a doença

Publicidade

Morreu neste sábado (06), o cantor Zezinho Correa, que era muito conhecido em Manaus. Ele precisou ser internado ao apresentar os sintomas mais graves da Covid-19, e depois de um mês lutando contra a doença, acabou vindo a óbito.

O cantor ficou famoso na banda Carrapicho, principalmente após lançar o hit Tic Tac. Desde o último domingo que o quadro dele vinha se agravando e os médicos decidiram intubá-lo. Além de ser intubado, o cantor ainda sofreu uma traqueostomia.

Desde o dia 5 do mês passado que Zezinho Correa encontrava-se hospitalizado, ele reclamou na época que estava com muita febre e sentindo dores por todo o corpo.

Publicidade
Publicidade

Uma vez internado, ele foi medicado, precisou ser submetido a fisioterapia pulmonar, mas alguns dias depois precisou ser transferido para a UTI de um hospital particular, pois seu quadro piorava rapidamente.

Na década de 90, Zezinho Correa fez muito sucesso com o hit Tic Tac. No final do ano passado ele esteve no lançamento do livro que contou sua carreira e estava muito feliz, mas ele já estava afastado dos palcos há algum tempo, pois trabalhava apenas como assessor de projetos sociais no Sesc.

Em Manaus e todo estado do Amazonas, a taxa de transmissão pelo coronavírus reduziu um pouco nos últimos dias, mas a região seguirá em alerta por tempo indeterminado, pois os hospitais seguem lotados e todos os dias novos casos são confirmados.

Cristiano Fernandes, a Fundação de Vigilância em Saúde, explicou que o Amazonas era o primeiro em taxa de transmissão até poucos dias atrás, mas agora está em quinto lugar no ranking, só que a população não pode deixar de continuar se prevenindo.

Publicidade
Publicidade
Russel

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: [email protected]