in

Ao lado do advogado Sylvio Guerra, DJ Clara Maya prestará depoimento contra filho de Djalminha em Guaratiba

BNews
Publicidade

A DJ Clara Maya, sobrinha do ex-diretor global Wolf Maya, já tem depoimento marcado na 43ª Delegacia de Polícia Civil do Rio de Janeiro (Guaratiba), unidade onde foi realizado o registro de ocorrência pelo qual acusa Djalma Júnior, filho do ex-jogador Djalminha, de cometer agressão física e assédio contra ela durante uma festa. A DJ estará na delegacia na próxima quinta-feira (18/02), às 13h, na presença do seu advogado Sylvio Guerra, conhecido por atuar em causas envolvendo artistas e famosos.  

De acordo com a denúncia, Clara foi contratada por Djalma Júnior para tocar na festa por ser amiga da família. Durante o evento, ele teria tentado beijar a DJ diversas vezes, inclusive, assediando fisicamente a moça – passando a mão em suas nádegas sem permissão. Ainda segundo a denúncia, ele pediu à DJ uma carona para deixar o local, quando foi repreendido por ela para que não tentasse mais nada sem seu consentimento. De acordo com o boletim, foi nesse momento que o filho do jogador teria lançado um copo de bebida no rosto da artista, que correu em direção a um táxi que havia chamado para deixar a festa. Entretanto, o rapaz teria corrido atrás da moça dando início a uma série de agressões. A jovem ainda pediu ajuda para o pai do rapaz, o jogar Djalminha, que após ser agredido pelo próprio filho, teria retornado para a festa deixando-a novamente sozinha com seu filho, momento em que Clara narra ter sido novamente agredida pelo jovem.

Publicidade
Publicidade

Recentemente, o advogado Sylvio Guerra juntou ao inquérito uma mídia contendo vídeos e fotos que comprovam as agressões sofridas pela DJ. Djalma Jr já foi intimado duas vezes, mas não compareceu à delegacia para prestar depoimento nos dias marcados, nas duas ocasiões. Uma terceira intimação foi feita ao jovem. O pai do rapaz, o jogador Djalminha já foi ouvido pela polícia. Esta coluna verificou que o filho do jogador encontra-se atualmente na região de Caraíva, na Bahia. 

Em contato com Sylvio Guerra – que confirmou que estará ao lado da moça durante o depoimento marcado para o próximo dia 18, o advogado comentou o caso: “O inquérito está em fase de apuração. O acusado – Djalma Jr – encontra-se mesmo no sul da Bahia, em Caraíva, e eu entendo que ele está nessa viagem para driblar a polícia do Rio de Janeiro”.

Questionado sobre a atitude do acusado, que já foi intimado duas vezes, mas não compareceu ainda à sede policial, o advogado também deu seu parecer sobre o fato: “No tocante ao não comparecimento entendo que isso é uma desobediência dele à polícia. No dia 18 estarei com minha cliente prestando esclarecimento e se ele não for pela terceira vez quando intimado pelo delegado, já que ele faltou as últimas duas vezes, eu vou requerer as medidas cabíveis que entendo ao delegado”. 

Guerra também esclareceu quais serão os próximos passos que tomará em prol da sua cliente: “Após o depoimento da minha cliente e a oitiva das partes – testemunha e autor do fato – o delegado irá relatar o caso e remeter à Justiça. E como advogado da Clara Maya, na qualidade de assistente de acusação, estarei buscando a condenação dele”, finalizou Sylvio Guerra.

Publicidade
Publicidade
Alessandro Lo-Bianco

Escrito por Alessandro Lo-Bianco

Passou pelas redações da BandNews, Editora Abril, Jornal O Dia, Rádio CBN, Jornal O Globo e RecordTV. Autor de 11 livros, é atualmente colunista do programa A Tarde é Sua da Rede TV! Tem nove prêmios de Jornalismo, dois cachorros e é pai de menina.