in

Gretchen diz que ‘gays querem ser mulheres’, é detonada e rasga o verbo em novo pronunciamento

Instagram Gretchen
Publicidade

Sem papas na língua, Gretchen fala o que pensa e, às vezes, acaba se tornando alvo de duras críticas. Dessa vez, a cantora deu uma declaração polêmica e acabou se tornando o centro de ataques nas redes sociais. Após dizer que “gays querem ser mulheres” e sofrer com represálias, a Rainha do Rebolado se defendeu e rasgou o verbo.

Em entrevista para o Flow Podcast, Gretchen falou sobre a carreira, mas acabou chamando a atenção com declaração sobre gays e por tratar travestis no masculino. Em dado momento do bate-papo, a cantora tentou se expressar de maneira positiva mas acabou sendo criticada.

“O gay quer ser uma mulher. Então, sou a bicha que deu certo, eu nasci mulher. Mas tenho as atitudes e o jeito de um travesti”, disse Gretchen, sem pensar que sua falar iria repercutir de forma negativa e causar polêmica na web.

Publicidade
Publicidade

Internautas se manifestaram nas redes sociais e muitos repudiaram a declaração dada por Gretchen em entrevista. Em meio a repercussão, a artista resolveu se pronunciar e afirmou que sempre disse a tal frase ao longo da vida e que “nunca nenhum gay se sentiu ofendido”.

Gretchen citou o filho Thammy, um homem trans, para mostrar que não é homofóbica e lamentou o discurso de ódio direcionado a ela. A cantora explicou que deu a tal declaração com muito bom humor e sem nenhum tipo de maldade. “Está ficando difícil se expressar no mundo de hoje”, lamentou a artista.

Por fim, Gretchen opinou que as pessoas deveriam enxergar a vida com mais leveza e menos julgamentos e lamentou o fato de algumas pessoas gostarem de apontar o dedo para ela, muitas das vezes sem motivo algum.

Publicidade
Publicidade