in

Caso Henry: Fantástico erra em reportagem e Poliana Abritta pede desculpas

Arquivo pessoal Monique Medeiros / Reprodução Globo
Publicidade

O Fantástico, da TV Globo, foi um dos grandes responsáveis por fazer o caso da morte do menino Henry Borel, de quatro anos, tornar-se notícia em todo o Brasil. O programa da TV Globo exibiu reportagens sobre o tema nos últimos quatro domingos.

Henry é o menino que morreu na madrugada do dia 8 de março. De acordo com a mãe, a professora Monique Medeiros, ele teria sido encontrado caído no quarto do apartamento de classe média alta onde moravam na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

O apartamento é do namorado de Monique, o vereador Jairo Souza Santos Junior, o Dr. Jairinho (Solidariedade). Laudo do Insituto Médico Legal (IML) revelou que Henry morreu em decorrência de laceração no fígado e hemorragia interna causados por ação contundente.

Publicidade
Publicidade

O Fantástico acompanha o caso e mostrou que a Polícia Civil do Rio de Janeiro ouviu testemunhas, apreendeu celulares e identificou que mensagens que ajudaram nas investigações. No último domingo, a revista eletrônica contou detalhes da prisão dos envolvidos.

Poliana Abritta pede desculpas por erro do Fantástico

Após a reportagem de 17 minutos ir ao ar, Poliana Abritta pediu desculpas por um erro cometido pelo Fantástico. A reportagem informou que Henry havia ido ao Hospital Barra D’Or, após a babá conversar com Monique sobre supostas agressões de Jairinho. Poliana corrigiu a informação e disse que o garoto foi ao hospital Real D’Or, da mesma rede, mas em Bangu e não Barra da Tijuca. “Por esse erro, o Fantástico pede desculpas”, disse a apresentadora.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!