in

Salve-se Quem Puder: após jogar passado sujo na cara de Helena, Hugo leva tapa na cara

Hugo (Leopoldo Pacheco) levará um tapa da mulher nos próximos capítulos de Salve-se Quem Puder.

TV Globo
Publicidade

Helena e Hugo estão passando por uma fase ruim na trama reprisada pela Globo. Os dois tem discutido por causa dos filhos e para piorar, o empresário ainda irá jogar o passado sujo na cara da ricaça, que lhe dará um tapa, em Salve-se Quem Puder.

O casal começou a se desentender desde quando a loira pensou em ir até o México para buscar Téo, que estava internado em Cancún com problemas na coluna, depois de ter se machucado durante a passagem do furacão.

A nova briga acontecerá quando Hugo não reconhecer o talento de Micaela, quando ela contar que as obras do seu restaurante foram um sucesso. O homem se negará a aceitar o mérito da herdeira e a empresária chamará a atenção do marido, nas cenas que estão previstas para serem exibidas no próximo dia 26.

Publicidade
Publicidade

Ela dirá que caso Hugo desse uma chance para a filha, iria morder a língua. Mas, ao invés de fazer isso, ele ficou esperando Téo seguir seus passos. E isso nunca vai acontecer, porque a vocação do rapaz é outra.

O personagem de Leopoldo Pacheco irá dizer que o jovem foi irresponsável, e Helena dirá que o marido vive irritado. O empresário tentará se justificar dizendo que a mulher anda diferente desde quando o filho foi para o México e sofreu o acidente.

A loira dirá que Téo quase morreu no furacão. O homem se lembrará que ela quase foi atrás do filho em outro país, mas ainda bem que ele conseguiu impedir.

Helena dirá que ela realmente pretendia ir até Cancún, e o ricaço ficará furioso. Ele frisará que ainda bem que ele conseguiu impedir que ela fosse, pois, ela estaria se colocando em risco. Caso viesse à tona o que ela fez no México, toda a família seria prejudicada, além de ser um escândalo na mídia se o passado sujo dela fosse descoberto.

Com raiva, Helena dará um tapa na cara do marido. Ela gritará que o que fez no México não foi correto, foi criminoso, mas isso não dá à ele o direito de ficar jogando isso na sua cara.

Publicidade
Publicidade
Publicidade